logo
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Aenean feugiat dictum lacus, ut hendrerit mi pulvinar vel. Fusce id nibh

Mobile Marketing

Pay Per Click (PPC) Management

Conversion Rate Optimization

Email Marketing

Online Presence Analysis

Fell Free To contact Us
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Aenean feugiat dictum lacus

1-677-124-44227

info@your business.com

184 Main Collins Street West Victoria 8007

Top

Estratégias para alavancar as suas vendas na Black Friday

Estratégias para alavancar as suas vendas na Black Friday

A sexta-feira, conhecida mundialmente, por trazer promoções atraentes em diversos produtos e serviços, está chegando. A Black Friday é uma grande oportunidade para aumentar o seu faturamento e divulgar a sua marca, produtos ou serviços.

Há tempos que a Black Friday é tradição nos Estados Unidos, com o comércio oferecendo descontos altos e os consumidores aguardando em longas filas na porta das lojas, sempre na sexta-feira seguinte ao feriado de Ação de Graças. Nos últimos anos, no entanto, as vendas online têm se tornado tão ou mais fortes que as vendas offline, e os descontos migraram para essa plataforma.

Foi nessa época, também, que a Black Friday chegou ao Brasil. Quando aportou aqui no país, a ideia sofreu rejeição e chegou a ser chamada de Black Fraude. Isso porque algumas lojas aumentavam o preço nas semanas anteriores à data para depois diminuí-los, dando uma falsa impressão de desconto e fazendo com que os clientes pagassem “a metade do dobro”.

Mas, com o surgimento de ferramentas que permitem ao consumidor monitorar os preços nos últimos meses e identificar o decréscimo real no valor do produto, esse cenário tem se modificado.

A Black Friday é um dos picos de tráfego de e-commerces e oferece grandes chances de fechar mais vendas em um único dia, pois trabalha com urgência e antecipação de expectativa. Veja algumas dicas que você pode colocar em prática desde já:

1. Analise os dados de anos anteriores

Se sua empresa já participou de outras edições da Black Friday, você provavelmente tem dados bem relevantes que podem ser explorados, visando uma otimização de resultados no ano atual.

Dados como número de vendas e receita obtida são parâmetros importantes para você traçar metas realistas para o ano corrente.

Da mesma forma, outras estatísticas como número de acessos simultâneos e interação da audiência nas redes sociais são outros indicadores para você analisar. É primordial que você mantenha uma estrutura sólida para que seu site não caia caso receba um número muito alto de visitas. Também é preciso estar preparado para interagir em tempo real com potenciais compradores.

Analisar também se deu resultado as palavras-chave que foram usadas no passado, estratégias de conteúdo e mídias utilizadas para promoção. É uma boa hora para deixar para trás o que não funcionou e continuar testando que deu resultado.

Enfim, o segredo é utilizar esse histórico para tentar prever ações futuras. Estudar o comportamento do consumidor no ano anterior para aproveitar melhor a oportunidade de vendas, e atingir a persona certa com uma maior precisão.

2. Prepare as ofertas e a estratégia de divulgação

Faça um planejamento estratégico, avaliando quais produtos colocará em promoção, qual será o desconto oferecido, quantos emails serão enviados etc.

Para escolher esses produtos, recomendamos as seguintes estratégias:

  • Os que têm maior margem para desconto,
  • Os que estão parados no estoque
  • E os produtos “isca” – produtos baratos que vendem bem e são porta de entrada para outras vendas.

Se você oferece um curso ou algum outro produto online que seja escalável – aqueles em que, diferentemente de um produto físico, não há um custo alto de produção – essas são sempre boas ofertas.

Definidas as ofertas, faça uma estratégia de divulgação.

É interessante, nas semanas anteriores à Black Friday, criar expectativa de boas ofertas e começar a trabalhar com uma das características principais da data: a urgência em fechar negócio ou realizar uma compra naquele dia específico.

Também é importante desde já começar a preparar as imagens dos produtos que serão ofertados na Black Friday, tanto para não precisar correr na última hora quanto para evitar erros e anunciar valores errados. Dessa forma, as pessoas ficam sabendo que haverá descontos e conseguem planejar as compras que desejam fazer.

3. Aproveite a mídia paga

Aproveite as ferramentas que a internet proporciona e faça uso delas para alavancar o seu alcance e vendas. Caso você esteja com a sua empresa em redes sociais, patrocine seus posts e crie anúncios específicos. A ideia aqui é, no dia, mostrar ofertas específicas para públicos segmentados e aumentar a taxa de conversão.

Você também pode direcionar o tráfego diretamente para a Landing Page da Black Friday (isso, aliás, é uma regra geral da mídia paga: nunca direcione o visitante para a home do site, mas sim para páginas específicas, seja Landing Page ou página do produto).

4. Relembre diariamente seus assinantes sobre a promoção

Apesar de já ter informado aos consumidores sobre a faixa de descontos, é importante reforçar na semana que antecede a Black Friday. Envie ao menos duas campanhas específicas no período abordando o “grande dia”. São estas iniciativas que ficam na cabeça das pessoas, fazendo com que elas acompanhem a loja e os produtos que poderão comprar em condições diferenciadas.

 

5. Faça um atendimento de excelência

É importante sempre atender o cliente da melhor maneira possível.

No entanto, pode ser que a Black Friday exija que sua empresa dedique uma atenção ainda maior aos clientes. Isso porque a concorrência é enorme, e há grandes chances de o cliente optar por outra opção caso ele tentar entrar em contato com sua empresa e não conseguir uma resposta.

6. Seja honesto e faça descontos de verdade

A Black Friday, apesar de oferecer descontos valiosos para o consumidor, também já foi alvo de piada por conta de empresas que se aproveitaram do momento com campanhas de má fé, aumentando o valor dos produtos para aumentar o valor dos descontos.

Paródias como “Black Fraude” e “Tudo pela metade do dobro” foram já muito disseminadas na internet em anos anteriores, e isso alertou os consumidores.

Há sites que monitoram os preços durante o ano todo, e que os consumidores podem usar para entender se há desconto mesmo ou se o desconto é forjado.

Para não sofrer consequências negativas nas redes sociais ou no Reclame Aqui, seja honesto com seu cliente. Ofereça descontos de verdade para conquistá-lo e fidelizá-lo. Lembre-se que um cliente satisfeito pode voltar a efetuar outras compras em seu site ou até mesmo a expor sua satisfação nas redes sociais, gerando prova social gratuita para seu negócio.

Nenhum Comentário

Desculpe, o formulário de comentários está desativado neste momento.